Home»Podcast»Decrépitos 101 – A Chegada: Filosofando Filosofias

Decrépitos 101 – A Chegada: Filosofando Filosofias

10
Compartilhamentos
Pinterest Google+

Bom presente, querido OUVINTAPOD! Tá no ar mais um episódio sensacional (risos) do Decrépitos sobre… CINEMOVIES!!

Hoje Daniel Bayer, Rafael Mordente e Saulo Mileti filosofam, viajam, boiam e divagam sobre o filme A CHEGADA (Arrival).

As nuances, os comparativos, os filmes parecidos, as referências, a filosofia e tudo o que cerca esta ficção científica indicada em 8 categorias no Oscar 2017. AAAHH, TEM SPOILERS DO FILME LÁ PELA 1 HORA DE EPISÓDIO!!

Duração: 2 horas e 5 conchas alienígenas.

Sinopse: Quando seres interplanetários deixam marcas na Terra, a Dra. Louise Banks (Amy Adams), uma linguista especialista no assunto, é procurada por militares para traduzir os sinais e desvendar se os alienígenas representam uma ameaça ou não. No entanto, a resposta para todas as perguntas e mistérios pode ameaçar a vida de Louise e a existência de toda a humanidade.

OUÇA OU BAIXE:

ALTA 96 KBPS MÉDIA 64 KBPS ZIP 96 KBPS

 AJUDA URGENTE!!

SEJA NOSSO PATRÃO!

SEJA NOSSO PADRIM!


OFERECIMENTO: SAPIENS SOLUTIONS

  • Hospedagem
  • Web Sites
  • Loja Virtual
  • Softwares

 (31) 3236 – 1414 – www.sapiensolutions.com.br


CRÍTICAS, PITACOS, OPINIÕES E SUGESTÕES!

Comenta aí no post ou manda um e-mail pra gente: [email protected]

SIGA A GENTE POR AÍ

FEED

Assine o nosso Feed ou adicione o Decrépitos no seu iTunes


Produção: Daniel Bayer
Edição: Daniel Bayer
Post Anterior

Decrépitos 100 - Especial 100sacional

Próximo Post

Decrépitos 102 - Resumão do Carnavacilo 2017

16 Comentários

  1. Paulo
    25 de Fevereiro de 2017 at 22:57

    Mordente aos 16:30 diz “interessante”, essa é uma palavra proibida segundo capitão fantástico rsrs
    Vejam e comente Captain Fantastic, filme maravilhoso que foi praticamente esquecido no Oscar

    • Lucas Moura
      26 de Fevereiro de 2017 at 05:23

      O João sepá vai amar esse filme

    • rafaelmordente
      3 de Março de 2017 at 20:27

      gostei tanto de Captain Fantastic que pronunciei a palavra ja me sentindo mal por usar :/

  2. rodrigo
    26 de Fevereiro de 2017 at 01:18

    Vi na locadora, é um filme top, não é show nem shop…

  3. Daniel Medina
    26 de Fevereiro de 2017 at 02:57

    Qual é o título do livro em que o conto se encontra? Pode ser em inglês, por gentileza.

    • Daniel Bayer
      26 de Fevereiro de 2017 at 20:54

      É o “História da Sua Vida e Outros Contos, do Ted Chiang”

  4. Lucas Moura
    26 de Fevereiro de 2017 at 05:21

    O autor que tem um rolè parecido com cores inteligentes é o Lovecraft msm Mordente san, no conto A Cor que veio do céu.

    • rafaelmordente
      3 de Março de 2017 at 20:28

      ahhhh carai era daí que veio a referencia. guardei o conceito mas nao tinha guardado onde conheci

  5. Cesaeer
    28 de Fevereiro de 2017 at 01:17

    Alguém tem o link do conto?

  6. Alan
    1 de Março de 2017 at 09:28

    “Então o Will Smith é o chupa-cu de Goianinha” kkkk

  7. Renanzoron
    1 de Março de 2017 at 15:17

    Mordente tá um pé no saco táquioparei

    • rafaelmordente
      3 de Março de 2017 at 20:27

      🙁
      quando / como / pq?

  8. Ultra com gola rolê
    3 de Março de 2017 at 13:13

    O senhor Saulo é uma incoerência ambulante, eu me lembro que, em seu próprio podcast (ozzmozy) ele sempre pregava, a importância de ter “brio” no sentido de proatividade.

    Aqui no decrépitos, Ele defende descaradamente uma postura fatalista, de entrega ao “seu destino”, mesmo que esse, traga muito sofrimento, LAMENTÁVEL…

  9. Felipe Barbosa
    7 de Março de 2017 at 12:17

    Saulo, em “A.I” os seres na cena final não são robôs?

  10. Willi Wonka
    7 de Março de 2017 at 14:39

    No A.I. se não me engano, a raça no final são robôs evoluídos e não seres de outro planeta.

  11. Jonas Nogueira
    27 de Abril de 2017 at 08:50

    Mordente fala 666 vezes a frase “um conto!”